Nós

foi criado, em 2010, pelo professor Adriano Medeiros da Rocha. A iniciativa aconteceu logo depois que o docente instituiu na UFOP a linha de pesquisa Criação e análise da imagem e do som. A plataforma nasceu com o objetivo de constituir um acervo audiovisual representativo das pesquisas e obras desenvolvidas nesta linguagem a partir do curso de Jornalismo da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP). 

Veredas equipe no Bandeirantes

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Atualmente, audiovisual.ufop abriga centenas de produções de diferentes tipologias e gêneros, incluindo reportagens, telejornais, programas especiais de TV, documentários e até filmes de ficção. Todas elas foram realizadas por alunos, professores, técnicos e colaboradores da UFOP.

audiovisual (1)

Contribuir para a difusão das obras depositadas, promovendo acesso amplo e gratuito às produções desenvolvidas por pesquisadores da Universidade;


Garantir a guarda e preservação das produções depositadas;


Apoiar o desenvolvimento de pesquisas nesta linguagem comunicacional e artística;


Colaborar para a formação de novos profissionais na área audiovisual;


Estimular ações de educação patrimonial, especialmente a partir do uso da imagem e do som;


Constituir memória audiovisual do curso de Jornalismo da UFOP, do ICSA e das próprias populações de Mariana e Ouro Preto.

adriano no lançamento de curtas (2)

A partir de audiovisual.ufop, defendemos que a preservação de patrimônios audiovisuais, produzidos por agentes criativos como esses que protagonizam as equipes desenvolvedoras do Laboratório de Criação e Produção Audiovisual do curso de Jornalismo da UFOP, seja fundamental para a constituição e preservação da memória e identidade dos cidadãos da região dos Inconfidentes, em Minas Gerais.

Cada uma dessas obras audiovisuais possui elementos que registram aspectos sociais, políticos, culturais, éticos e estéticos da história destas comunidades e, neste sentido, representam documentos que ajudam a compreendê-las em sua evolução e complexidades.

mariana 2
centro histórico ouro preto